"Aquilo que não nos destrói, fortalece-nos"
Friedrich Nietzsche

23.2.11

Sinceramente não entendo

A obsessão que algumas mulheres têm em contar pormenores do parto, muitas vezes noto algum exagero em factos mais horripilantes, e no final da conversa com o ar mais natural rematam, quando te colocam aquela coisinha nos braços esqueces tudo.
No final não sei se:
agradeça o esforço pelo facto de voltarem a reviver o momento ao pormenor , ou por terem inventado uma história tão dramática.

8 comentários:

Poetic GIRL disse...

Não ligues querida, há sempre alguém que quer os 5 minutos de fama. Vai tudo correr bem, logo logo terás essa menina nos braços. O que tiver que ser será, não adianta pensar antes da hora! Não somos iguais, as situações não são iguais e essas pessoas que guardem as sua experiências para si! bjs

Sílvia disse...

A maioria das pessoas neste tipo de coisas é sempre dada ao exagero. Não ligues :)

Isabel disse...

Sei bem o que isso é...durante a gravidez também encontrei algumas pessoas "empenhadas" em contar-me, ao pormenor, as "desgraças" que lhes aconteceram durante a gravidez e então no parto...

Rita G. disse...

A mim contaram-me coisas horrorosas, mas sabes que mais, nem liguei, concentrei-me na minha própria situação e em cuidar de mim para que o parto corresse pelo melhor, e correu muito bem:) bj!

Pepper disse...

As pessoas gostam mais de contar histórias dramáticas do que felizes.
O meu foi uma maravilha, rápido, não custou nada. Mas acho que depende da forma como se encaram essas coisas, eu não sou nada dada a dramas e pânicos e isso ajudou.
Bjs Dona barriga :)

Dina disse...

Odeio isso! Acho que é por isso que desenvolvi uma fobia à gravidez! Agora aviso descaradamente as minhas amigas antes de abrirem a boca: pormenores não!

Olga disse...

Eu não gosto de falar dos partos, mas gosto de falar dos filhos. Posso dizer pela minha experiência que não dispenso a epidural e posso também dizer que nem todas as pessoas lidam da mesma forma com as dores, existem mulheres que têm parir de gato. Não ligues ao que ouves, vai correr tudo bem. Beijinhos.

art.soul disse...

é normal que te aconteça isso, o meu não foi nada rápido mas não deixou traumas.
acho que a diferença é entre as pessoas informadas e as que têm tabus e medos infundados sobre o parto.

vai correr tudo bem, o teu corpo está preparado para conceber, és mulher, vai ser a melhor experiência da tua vida.

Beijos