"Aquilo que não nos destrói, fortalece-nos"
Friedrich Nietzsche

5.7.13

Aprender a fechar a boca

não não vou entrar em dieta, não me apetece e não preciso, preciso sim de exercício, mas isso são outas contas, e a verdade seja dita, com este calor nem me apetece falar nisso muito menos colocar em prática.
Adiante.

Tenho de aprender a ouvir, a escutar,  a deixar os outros falar, e falar e eu manter a boca fechada.
Sou uma desbocada, gosto tanto de falar, que muitas vezes falo o que devo e não devo. Acabo por me arrepender, mas só depois.

Já ouvi que quem fala muito é mais inseguro, talvez seja esse o problema, insegurança. Mas não é suficiente identificar o problema, convém arranjar uma ou várias soluções.

Se eu não gostar de mim, quem gostará?

3 comentários:

Velud'arte disse...

Ora aí está! Por vezes é melhor ficarmos caladas, mesmo que estejamos quase a explodir!

S* disse...

Tens de ser ponderada... por vezes, mais vale engolir uns sapos. ;)

*C*inderela disse...

Temos é que aprender a ignorar, é o melhor remédio!

Bjokas.